sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Fechamento da Semana / Índice Futuro


Como esperado carteira simulada se mostra muito forte contra quedas e nem tão eficiente nas altas, mas por enquanto vai bem, ganhando do ibovespa por 5,4%. Hoje em um dia de queda de -0,97% a carteira conseguiu subir 1,19%. Indo bem vamos aguardar.













Estrangeiros aumentaram os contratos vendidos, sinal de que estão apostando com mais força na queda, será que estão certos?

ÍNDICE FUTURO

Não sei vocês conhecem, mas existe uma coisa chamada índice futuro. Ele começa a ser negociado 1 hora antes do pregão normal de ações e serve como indicador do sentimento do mercado até sua abertura. A codificação é uma pouco mais complicada porque ele é um contrato futuro, diferente de um ativo, um contrato tem uma data para terminar.

IND + letra referente ao mês + Ano  - índice futuro atual INDV12 - vencimento de 2 em 2 meses.

Fevereiro - G
Abril - J
Junho - M
Agosto - Q
Outubro - V
Dezembro - Z

terça-feira, 23 de outubro de 2012

Acompanhamento de Operações Simuladas


Segue atualizada. Ibovespa desandou hoje com uma queda considerável, novamente com notícias ruins vindas da Europa dessa vez dados do PIB espanhol. Long short continuam se defendendo bem das quedas. E na carteira, a salvação da lavoura ficou por conta da leve3 que tem o pior desempenho de todas as outras. Carteira aumentando a diferença para o benchmarking que é o ibovespa, perfomance 2,8% superior.

sábado, 20 de outubro de 2012

Fechamento da Semana


Segue as operações simuladas atualizadas. 6a feira refletindo as notícias ruins vindas da China da tarde de 5a, praticamente tudo caiu. Long short tem defendido bem o lucro, e a carteira passou a frente do ibovespa novamente. Continuamos acompanhando nenhuma alteração.

A troca de ações na carteira será feito mês a mês para podermos acompanhar os resultados simulados.

O long short será desfeito num momento oportuno, por enquanto acho q é melhor manter já que o ibovespa até tem acumulado alta, mas não anda muito claro de que agora vai.


Ibovespa diário



Ambev diário


Grendene diário

Metal Leve diário


Ohl diário


Valid diário

OGX diário


MMX diário


Bom como tem gente que gosta de acompanhar vai Petrobrás e Vale também.

Petrobrás diário

Vale diário 


E gostaria de conta uma história pessoal, pela 1a vez tive investimentos em um banco que faliu. Tinha algumas LCIs lá, pra quem não sabe LCI, são letras de crédito imobiliário, são títulos emitidos que te lastro em imoveis (servem de garantia). A maior vantagem pra pessoa física é a isenção de IR, no banco BVA havia títulos com taxa de 95% do CDI, sem o IR, é como se ao invés de investir na poupança e receber, com as novas regras da poupança, 70% do CDI, com a LCI seria recebido os 95% do CDI descontando as taxas que são baratas, por volta de 0,5% anualizado.

Ah e agora??!! Nada acontece no meu caso, O FGC, Fundo Garantidor de Crédito cobre qualquer prejuízo até 70 mil reais, conforme os meus títulos forem vencendo eu receberei o dinheiro normalmente só que não é o banco que está me pagando, mas pra mim, como investidor, é indiferente. Por isso compensa pesquisar CDBs, LCIs em banco de pequeno/médio porte as taxas são muito melhores que em bancos grandes, em banco grande por ex, LCI só com 300mil reais, no BVA eu negociava LCI de 1.000 reais.

A notícia na integra pode ser acompanhado no site do Infomoney

Os investidores que podem perder com a intervenção do Banco BVA

Com a intervenção do Banco Central, o investidor que tinha CDBs, LCIs ou LCAs pode ter fortes prejuízos









quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Acompanhamento de Operações Simuladas


Atualizado com os valores de fechamento de hoje. Long short indo bem, a carteira não, impactada principalmente pelo desempenho da LEVE3. Seguimos acompanhando.

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Acompanhamento de Operações Simuladas


Atualizadas com os dados de fechamento de hoje. Hoje não foi um dia favorável. A carteira simulada só está ganhado de 0,2% do índice.


Ibovespa no semanal, seguindo na direção do topo do canal de baixa.

terça-feira, 16 de outubro de 2012

Acompanhamento de Operações Simuladas


Segue as operações, caminhando muito bem principalmente o long short, dando o lucro em todas as operações. Carteira mensal aumentando o lucro e ganhando do comparativo com o ibov.

A ideia é montar a carteira mensal, e usar as ações em garantia pra montar o long short e assim alavancar os ganhos.

Ganhando na queda

Bom resolvi para de preguiça e escrever este tópico. Não achei nenhum texto que preste na net então vou ter que escrever.

1º) Se informe se na sua corretora é possível fazer a venda descoberto pelo homebroker ou se a operação tem que ser pela mesa.

2º) Procure se informar se é possível fazer operações usando ações, ou qualquer outro título em garantia.

A XP investimentos permite os 2 itens a cima e a explicação é levando em consideração está situação.

Vamos começar com conceitos:

a) Eu torço para que a Bolsa não entre nessa situação de queda, isso porque, uma queda de ações reflete uma situação econômica desfavorável, significa que haverá menos empregos, menos crédito, menos lucros das empresas.. etc. Porém, é cíclico, e temos ciclos de alta e baixa, e se acha que vai cair, é melhor vender do que ficar no papel de torcedor. Vai PETRO!!! rsrsr

b) Há algumas formas de ter lucro com a queda, mas vou explicar apenas com ação, os outros modos fica pra uma oportunidade futura, essa é minha forma preferida, até porque prefiro montar long shorts. Basicamente, a gente vai vender algo que não temos, sim exatamente isso. Quando falamos em ganhar fazendo venda, não estou falando em comprar petr4, ter lucro, e vender pra evitar que ela caia.

Vamos pegar por ex, petr4. Você não tem compra de petr4, mas precisa ter na sua conta, ou dinheiro ou ações, ou títulos tipo cdb, ltn, para que essas coisas sirvam de garantia para a sua operação de venda. Qualquer coisa, menos petr4 né, senão ao invés de fazer venda descoberto você vai vender as petr4 que você tem e vai encerrar a operação.

Você vai abrir venda de 100 petr4, assim que a ordem for fechada, em sua custódia vai aparecer -100 petr4 e vai entrar na sua conta o dinheiro referente a venda. Sim! Sua conta que tinha 500 reais por ex, se for feita uma venda de 20 reais, 100 petr4, sua conta vai passar a ter 2500.

Você vai solicitar a mesa de operações que alugue pra você 100 petr4.

Cenário 1) Você vendeu 100 petr4 a 20 reais. A petr4 caiu para 15 reais. Vamos desfazer a operação, vamos recomprar a 15, 100 ações, pagando 1500 reais. Nossa conta que tinha 2500 vai passar a 1000. E vamos pagar o aluguel das ações. E assim ganhamos 500 reais.

Cenário 2) Você vendeu 100 petr4 a 20 reais, a petr4 subiu e foi parar em 25 reais. Você se ferrou! Agora vai gastar 2500 pra poder encerrar a operação e sua conta vai ficar no 0 e ainda precisamos pagar o aluguel.

Vamos a algumas considerações:

Vantagem de fazer as vendas: As ações sobem fazendo escadas e caem de elevador, é uma frase famosa, a Bolsa levou 3 anos pra atingir os 75 mil pontos, levou 5 meses pra voltar tudo de novo.

Risco: Quando você compra a perda máxima é a perda do dinheiro investido, se você faz uma venda descoberta, o risco é infinito, porque nada impede que uma ação que você vendeu a 1 real vá a 99999 reais e como você vai recomprar?

Ah então é uma péssima ideía vender? Não. Eu acho excelente. Mas por isso monto o long short, com o dinheiro que entrou da venda, a gente vai comprar uma outra ação, assim temos uma ação na ponta da compra pra nos defender caso a ação vendida dispare. É uma forma de ganhar dinheiro com a alavancagem ou seja, eu posso ter uma carteira que faz 20% de lucro no ano, e ter vendas pra ganhar mais 10% então teria uma resultado anual de 30%. Por isso a recomendação da venda é sempre nos índices, bova11, pibb11, etc, se sair uma baita notícia em cima de um empresa pequena tranquilo, agora, se você vendeu a Varig e no dia seguinte ela foi comprada, meu irmão, você está com problemas. Ações de empresas muito grandes são menos suscetíveis a notícias, uma nova reserva de petróleo na petrobras por ex, não vai ter o mesmo impacto do que em uma HRT por exemplo.

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Fechamento da Semana


Operações se desenvolvendo bem, long short andando bem pra todas as direções. A carteira mensal se mostrou resistente as quedas, desde que foi montada a bolsa tem queda de -0,10% e a média está em 0,7%.


Gráfico diário do IBOV, perdeu o canal de alta será? E essa previsão ai em baixo? Aguardaremos cenas dos próximos capítulos.



Guarde bastante dinheiro para comprar ações em breve, sugere Marc Faber

Papéis nos EUA devem valer 20% menos daqui a seis ou nove meses, destaca o célebre investidor suíço

Por Felipe Moreno 
A A A
SÃO PAULO - Uma oportunidade para comprar ações deve surgir nos próximos meses, avalia o célebre investidor suíço Marc Faber ao portal norte-americano CNBC. Para ele, daqui seis a nove meses, as ações nos EUA devem valer 20% menos do que atualmente - o que abre uma oportunidade para realizar novas compras no mercado acionário.
"Eu tenho bastante dinheiro em espécie no momento, já que desde as altas do meio do ano eu tenho vendido minhas posições", avalia o investidor. O autor do livro Doom, Boom & Gloom é famoso por prever o longo período de estagnação japonesa na década de 1990. Para ele, muitas ações estão chegando às suas máximas. 
Marc Faber
Jim Rogers, outro grande investidor, concorda com Faber, mas destaca que o momento ruim na China abriu uma oportunidade por lá. "A China será o próximo grande país do mundo. Eu estava violentamente e veementemente dizendo às pessoas para não comprar China quando ela estava subindo em 2007. Eu só compro China quando ela entra em colapso", afirma.
Rogers está comprado em commodities, mas vendido no mercado acionário. "Estou pessimista também, concordo em muitas coisas com o Faber", terminou Rogers.
fonte:Infomoney



Livros interessantes sobre investimentos


10 livros para você investir melhor na bolsa de valores

"O jeito Peter Lynch de investir" de Peter Lynch, e "O investidor inteligente" de Benjamin Graham fazem parte da lista

Por Gabriella D'Andréa 
A A A
SÃO PAULO – Você quer se preparar para investir, mas não sabe por onde começar? O site The Motley Fool publicou uma lista com livros que são referência no assunto, tanto para quem está começando quanto para aqueles que já investem mas querem aprimorar os seus conhecimentos. 
Confira a lista com 10 livros de peso e que podem lhe ajudar na hora de investir:
Buffett livro
1 – “O jeito Peter Lynch de investir” de Peter LynchEm sua obra, Lynch afirma que investidores têm a mesma capacidade, através de pesquisas rápidas, de selecionar ações rentáveis. E uma forma de realizar a pesquisa é ir às lojas das respectivas empresas acionárias e testar seus produtos, caso a organização seja do ramo de varejo.
É importante que o investidor tenha a visão do consumidor para checar se o produto oferecido é de qualidade e lhe traz satisfação.
2 – “O investidor inteligente” de Benjamin GrahamConsiderado pelo magnata Warren Buffett o melhor livro de investimentos, a obra de Graham ensina fundamentos básicos da análise fundamentalista que um investidor precisa saber antes de aplicar.
Para ilustrar esses conceitos, o autor utiliza relatos de eventos históricos e escreve a respeito de algumas idéias suas.
3 – “O mercado de ações ao seu alcance” de Joel GreenblattGreenblatt ensina aos iniciantes os princípios básicos de como investir no mercado de ações e lhes dá uma fórmula mágica fácil de ser usada e que permite comprar ações de boas empresas a preço de barganha.
Com conhecimentos aprendidos na 6ª série, Joel utiliza uma linguagem simples e engraçada para explicar o método de baixo risco para dominar o mercado.
4 – “Buffett: a formação de um capitalista americano” de Roger Lowenstein (foto)Roger Lowenstein fala sobre a vida do magnata Warren Buffett, que acumulou a segunda maior fortuna dos EUA, perdendo apenas para Bill Gates.
Buffett iniciou seu império ainda criança, pegando bolas de golfe nos campos de Omaha, Nebraska, e revendendo-as.
5 – “O toque de Midas” de John TrainTrain também aborda análise sobre os negócios de Buffett e relata o início de sua trajetória, passando ao leitor as estratégias do homem que inspira muitos investidores até hoje.
Warren Buffett se tornou célebre por suas conquistas, como quando foi alçado a primeiro membro da lista de mais ricos do mundo da Forbes ao ganhar dinheiro apenas com seus investimentos.
6 – “Ações comuns lucros extraordinários - Não Siga o Rumo da Multidão” de Philip FisherUm clássico da área de investimentos em ações, o livro de Fisher oferece uma boa compreensão do mercado acionário e explora técnicas de avaliação para que haja um maior envolvimento entre o investidor e seu investimento.
Para isso, o autor elabora uma lista com 15 pontos considerados fundamentais na hora de escolher bons investimentos na bolsa.
7 – “O dilema da inovação” de Clayton ChristensenEste não é um livro de investimentos em si. Mas as descobertas do autor servem de crítica para os investidores. Christensen demonstra em sua obra por que muitas empresas consideradas boas e corretas costumam fracassar e como evitar que isso ocorra.
Sendo assim, ele apresenta princípios para ajudar os administradores a tomar decisões que, a princípio, podem parecer ruins, como quando investir no desenvolvimento de produtos com menor desempenho.
8 – “O homem mais rico da Babilônia” de George S. ClasonAtravés de parábolas da antiga Babilônia, Clason consegue demonstrar como pessoas comuns construíram uma das civilizações mais ricas do mundo.
O autor faz isso com ensinamentos simples que mostram ao investidor como acumular riqueza e solucionar problemas financeiros.
9 – “Filosofias de investimento” de Aswath DamodaranGrande referência em análise fundamentalista, Damodaran fala também sobre outros assuntos e estratégias de investimento, usando como base técnicas de grandes investidores do mercado.
10 – “Investimentos: os segredos de George Soros e Warren Buffett” de Mark TierAnalisando dois perfis de investimentos completamente diferentes, Tier achou hábitos em comum dessas duas figuras e traçou uma lista com 23 comportamentos que tanto Buffett como Soros possuem e que pode auxiliar outros investidores a obter sucesso.

fonte:infomoney

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Acompanhamento de Operações Simuladas


Como sou acostumado a trabalhar com planilhas, tabelas acabo achando que todo mundo está vendo e entendendo os dados. Dei uma mudada no layout, acho que ficou mais claro agora.

As vendas dão lucro conforme recuam as cotações, as compras com o aumento.

A carteira por enquanto está mal, tudo caindo em relação ao preço de abertura de hoje, carteira é a média de desempenho e o ibov que é o benchmarking. Vamos ver ....

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Acompanhamento de Operações Simuladas


Bom, vamos simular mais um negócio aqui famoso, a tal da carteira recomendada. Vou monitorar os resultados pra ver se parece uma boa. Sim, só há ações tidas como defensivas, são empresas em ótima saúde financeira, forte geradoras de caixa. Isso é apenas um teste.

Vou usar como referência o preço de abertura de amanhã. A idéia é fazer uma nova análise só pro mês que vem.

Acompanhamento de Operações Simuladas


Hoje foi um dia que serve para mostrar como estar em um long short é interessante do que estar só em 1 ponta do mercado. O dia hoje foi de queda, a maior parte das ações caiu, porém mesmo em 1 dia como esse, o lucro da nossa operação aumentou.

Repare que o par que está dando menos lucro pibb11 X ambv4, já tem 8% de lucro e isso em uma operação montada em 17/09. Leva 1 ano pra ganhar isso na renda fixa e está com esse lucro em 15 dias.


Div Yield das ações que compõe atualmente o IBOV

Boa noite senhores,

Conforme um amigo solicitou, ele queria uma relatório com o % de dividendos pagos pelas empresas que compõe o IBOVESPA (pra quem não sabe, resumidamente, o IBOVESPA ou IBOV, é um índice com as ações de maior liquidez da bolsa, as mais negociadas, normalmente em torno de 60-70 ações)

Dividend Yield é o valor que foi pago de dividendos dividido pela cotação no dia que o dividendo foi distribuído para que eu tenho um % de dividendo. Uma coisa é uma ação de 100 reais pagar 1 real de dividendo, outra coisa é uma ação de 10 reais pagar 1 real de dividendo.


Papel Div.Yield
ELPL4 19,8% ELETROPAULO
TRPL4 14,1% TRAN PAULIST
ELET3 10,5% ELETROBRAS
CMIG4 10,3% CEMIG
ELET6 9,4% ELETROBRAS
VIVT4 8,7% TELEF BRASIL
OIBR4 8,4% OI
CSNA3 7,3% SID NACIONAL
CESP6 7,1% CESP
BRAP4 6,9% BRADESPAR
OIBR3 6,9% OI
CPFE3 6,5% CPFL ENERGIA
BBAS3 6,4% BRASIL
RSID3 6,1% ROSSI RESID
VALE5 6,0% VALE
VALE3 5,8% VALE
BISA3 5,7% BROOKFIELD
SANB11 4,6% SANTANDER BR
BRKM5 4,3% BRASKEM
BVMF3 3,9% BMFBOVESPA
LIGT3 3,8% LIGHT S/A
CIEL3 3,8% CIELO
NATU3 3,5% NATURA
ITSA4 3,5% ITAUSA
CRUZ3 3,4% SOUZA CRUZ
PDGR3 3,4% PDG REALT
RDCD3 3,4% REDECARD
BBDC4 3,2% BRADESCO
PETR4 3,2% PETROBRAS
PETR3 3,1% PETROBRAS
MRVE3 3,1% MRV
SBSP3 3,0% SABESP
TIMP3 2,9% TIM PART S/A
LREN3 2,9% LOJAS RENNER
KLBN4 2,7% KLABIN S/A
ITUB4 2,7% ITAUUNIBANCO
AMBV4 2,6% AMBEV
HGTX3 2,3% CIA HERING
CPLE6 2,3% COPEL
GOAU4 2,1% GERDAU MET
GGBR4 1,8% GERDAU
DTEX3 1,8% DURATEX
SUZB5 1,7% SUZANO PAPEL
CSAN3 1,7% COSAN
CYRE3 1,6% CYRELA REALT
BRFS3 1,4% BRF FOODS
EMBR3 1,3% EMBRAER
RENT3 1,2% LOCALIZA
UGPA3 1,1% ULTRAPAR
CTIP3 1,1% CETIP
DASA3 1,0% DASA
ALLL3 1,0% ALL AMER LAT
USIM5 0,9% USIMINAS
PCAR4 0,8% P.ACUCAR-CBD
USIM3 0,7% USIMINAS
BRML3 0,6% BR MALLS PAR
LAME4 0,5% LOJAS AMERIC
CCRO3 0,3% CCR SA
GFSA3 0,0% GAFISA
GOLL4 0,0% GOL
VAGR3 0,0% V-AGRO
FIBR3 0,0% FIBRIA
MMXM3 0,0% MMX MINER
MRFG3 0,0% MARFRIG
BTOW3 0,0% B2W VAREJO
OGXP3 0,0% OGX PETROLEO
JBSS3 0,0% JBS
LLXL3 0,0% LLX LOG
HYPE3 0,0% HYPERMARCAS




terça-feira, 2 de outubro de 2012

Acompanhamento de Operações Simuladas


Ibov hoje parecia que ia reduzir a lucro da operação, mas morreu no meio da tarde. Segue as operações caminhando, operações de venda de OGXP3 e MMXM3 já estão com um % significativo.

Ambev ficou ex dividendos e jcp (juros sobre capital próprio) - são proventos. O preço da ação desconta o valor, e em uma data futura o valor é creditado na sua conta. A diferença basicamente é que o dividendos é distribuído após apuração de resultado, ou seja, o valor distribuído é líquido. O JCP não, ele tem o valor bruto apurado pela empresa, o desconto de IR, e o valor líquido será creditado na sua conta.

Deixa eu aproveitar pra explicar isso, porque tem gente que tem 5 anos de bovespa, corre atrás de dividendos e não entende a vantagem.

Uma pergunta frequente, se o valor da ação que é distribuído é descontado do seu valor de cotação, por ex, uma ação com preço de 10 reais distribuiu 1 real em dividendo, abre no dia seguinte a 9 reais correto? Sim correto. E depois de x dias 1 real será depositado na minha conta certo? Certo.

Então vejamos, 9 + 1 = 10. Qual a vantagem de ganhar proventos? A vantagem é exatamente por causa do IR. Todo lucro em ações está sujeito a 15% de tributação de IR. Esse 1 real que foi depositado na sua conta, já está com IR descontado, ele é lucro líquido. Você pode usar pra comprar outra ação, ou comprar mais ações para acumular.

Ainda não entendeu? Vamos lá. Vamos supor que essa ação depois de X dias subiu 1 real e você vendeu e realizou o lucro.

1) sem distribuição de dividendos

A compra foi feita a 10 + 1 de variação do período = 11. Quando eu for apurar o resultado, eu tenho 1 real de lucro, 15% disso precisa ser pago por darf.

2) com a distribuição de 1 real em dividendos

A compra foi feita em 10 - 1 distribuído em dividendos = 9. A ação valorizou 9 + 1 =10. Quando eu vender a 10, eu não obtive lucro nessa operação porque 10-10= 0.

Ah agora sim! Então é vantagem eu sempre vender uma ação que distribuiu dividendos quando eu tiver lucro ? Não exatamente, operação com ações são passíveis de compensação de prejuízos. Se eu fechar uma operação em jan/2012 e perder -500 reais. E em out/2012 fecha uma operação com lucro de 600 reais, eu só vou apurar o IR em cima dos -500+600 = 100 * 15%. Inclusive é possível passar o prejuízo de um ano pro outro.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Como Comprar Ações?

Teoria é chato, mas é preciso. O mercado resumidamente tem 5 atores principais:

O investidor - eu, você, no caso, que quer comprar ou vender ações.

A corretora (ou banco) - que vai intermediar a operação (sim é impossível ir na Bovespa e comprar ações diretamente lá, não é feira).

A Bovespa que é onde se negocia as ações.

A CBLC - que é a Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia que é a organização que guarda os títulos (sim, guarda a sua ação, não existem mais ações em papel ao portador, operação ocorre de forma eletrônica e o título não saí do lugar, lembra? Não é feira).

E a CVM - que é a Comissão de Valores Mobiliários que é o órgão regulador.

1º mito) Só quem tem uma boa grana investe em ações - na verdade 1 ação da Petrobrás custa, com o fechamento de hoje, exatamente 22,51. Você não tem 22,51? O que falta na verdade é a cultura de mercado de ações, nos EUA (obviamente levando em consideração todas as diferenças históricas, os americanos negociam ações há séculos em um país onde a taxa de juros é baixíssima. O Brasil viveu cenário de juros estratosféricos).

1ª verdade) Investir em ações é complicado - acho que sim. Já foi pior, mas pensa que alguém que negocia ações precisa apurar sozinho o seu IR, sim isso mesmo, se você comprou ações e teve lucros é responsabilidade sua fazer as contas e emitir a darf para pagamento. Por isso, se você não é muito fã dessa área é melhor procurar uma corretora que oferece cálculos automáticos, nas maiores corretoras já é possível de forma gratuita ou por valores, tipo 50 reais mensais.

1º Conselho) Com quanto é bom começar a investir então? Uma opinião própria, é que depende de algumas coisas mas pra não ficar muito teórico e mais prático uma análise bem a grosso modo:

Eu, por exemplo, normalmente faço operações de um prazo um pouco mais longo, mais de 6 meses, na média. Em média, o ibovespa tem oscilações em torno de 20% -25% durante 6-12 meses. Eu aceito pagar de taxas no máximo 1%-1,5% do capital investido. Significa o seguinte, se você tem 1.000 pra investir, eu procuraria uma corretora que me cobrasse no máximo 10, 15 reais, e sem taxa de custódia.

Se fosse fazer operações de curtíssimo prazo, tipo, 1 semana, é mais ou menos 5% de deslocamento, teria que ser menos ainda de taxa.

Ah eu tenho 100 reais pra investir, esqueça vai juntar mais dinheiro ou procure fundos de ações.

2º Conselho) Dinheiro de investimento é sempre o dinheiro que sobra, nunca o dinheiro de pagar contas. Tem contas pra pagar e quer investir? Vai pagar as contas 1o. Se você acha que vai pegar emprestado no banco 20mil, vai fazer mágica, vai pagar os juros, devolver o que pegou de empréstimo e ainda vai ficar com saldo, você tem problemas. Acha que se fosse fácil assim, só você teria essa idéia?

3º Conselho) Os mais famosos investidores do mundo tem taxas de retorno de longo prazo em torno de 25%-35% ano, você gênio das finanças júnior não espera fazer 200% né?

No site da Bovespa tem uma lista de corretoras regulamentadas por ela, procure sempre por lá, nada de por no google, pra evitar futuros problemas. Seu banco também oferece esse tipo de serviço, só verifique se ele não é muito muquirana, porque banco é acostumado a prestar serviços com margens maiores de lucro.

4º Conselho) Ah eu tenho medo de investir na Bolsa e perder tudo. Poucos conseguiram esta proeza, mas seja esperto, não sabe o que está fazendo então acompanhe. Tenho X pra investir, meu dinheiro da vida toda, então em renda variável só 10% de X ou 5% de X. Com o tempo, aumente o % ou não. Se eu ficar com 100% do meu dinheiro, de pagar as minhas contas mensais na renda variável, até eu fico com medo. Que vale, ganhar 50% ao ano de investimento, e morrer de stress aos 40 a sua viúva agradece.

Sabe a Previdência Privada que tem gente que acha a ideia mais genial do mundo? Ela é simplesmente uma mescla de investimentos (carteira de investimentos), ex, 30% em renda variável e 70% em renda fixa. Por que não fazer você mesmo? Ah um conselho sobre previdência, eu se fosse você não faria PGBL, mas a explicação fica pro futuro. Algumas tem seguros também, obviamente, também é cobrado de você.

Se tem preguiça dá uma perguntada no seu banco, e verifique as taxas oferecidas. Se não pode buscar corretoras. Se realmente quiser fazer operações mais complexas como long short, é importante também verificar se a corretora oferece esse tipo de operação pelo homebroker, se for só pela mesa encarece um pouco a operação. Alguns homebrokers (é como se fosse o teu homebaking mas é pra negociar ações) oferecem até lançamento de opções, ordens na bmf, compra de tesouro direto, tudo direto pelo HB.

1º passo fazer cadastro e abrir a conta em alguma corretora ou habilitar o parte de homebroker do seu banco.

Renda Fixa X Renda Variável

Bom vamos lá, depois que passei a puxar os tópicos no face, começaram a me criticar que o negócio estava avançado demais, então vamos do começo ...

Basicamente há 2 tipos de investimentos possíveis:

1) Renda Fixa


Nos investimentos em renda fixa, a remuneração, ou sua forma de cálculo, é previamente definida no momento da aplicação.
Ao investir seus recursos em um título de renda fixa, seja ele emitido pelo governo ou por uma empresa privada, você está emprestando a quantia investida ao emissor do título para, em troca, depois de um certo período, receber o valor aplicado (denominado "principal"), acrescido de juros pagos como forma de remuneração de seu empréstimo.
As condições do investimento - tais como cláusulas de recompra, prazos, formas de remuneração e índices - são acertadas com o devedor (também chamado emissor do título ou tomador) no momento da aplicação.
Na renda fixa, assim como em qualquer investimento, sempre existe a possibilidade de perda do capital investido, no todo ou em parte.
Por exemplo, se o emissor do título não cumpre a obrigação assumida, o investidor deixará de receber uma parte ou a totalidade da quantia pactuada.
Outro risco possível é de, ao final da aplicação, a rentabilidade se revelar menor do que a oferecida para outras aplicações de risco similar e disponíveis durante o mesmo período.
Os investimentos mais populares em renda fixa são a Caderneta de Poupança e os Fundos DI.
Mas há também outras aplicações, tais como: Fundos de Renda Fixa, CDBs e debêntures, entre outras.
Navegue pelo nosso site para saber mais sobre os investimentos em renda fixa.


2) Renda Variável


Nos investimentos em títulos de renda variável, o investidor não tem como saber, previamente, qual será a rentabilidade da aplicação.
Porém, se a escolha for feita com critério, diante de opções bem avaliadas e com diversificação dos investimentos, a aplicação em renda variável poderá proporcionar ao investidor um retorno maior do que o obtido em aplicações de renda fixa.
Nos investimentos em renda variável, a possibilidade de perda decorre não apenas da possibilidade de não pagamento pelo devedor, ou empresa na qual se investiu, mas também da possibilidade de a rentabilidade obtida terminar sendo menor do que a taxa de juros oferecida por aplicações de renda fixa disponíveis no mesmo período do investimento.
Geralmente, os investimentos em renda variável são recomendados para prazos mais longos e para investidores com mais tolerância às variações de preço dos títulos, muito comuns nesse mercado.
Nesse tipo de investimento a diversificação da carteira, ou seja, o investimento em títulos de vários emissores diferentes, é muito importante para diminuir o risco, pois eventuais perdas em alguns papéis podem ser compensadas com ganhos em outros.
Os investimentos mais tradicionais e populares em renda variável são as ações, os fundos de ações e os clubes de investimento.
Navegue pelo nosso site para saber mais sobre esses investimentos em renda variável.